Eu me apaixonei pela pessoa errada

“Eu não tenho culpa de estar te amando
De ficar pensando em você toda hora
Não entendo por que deixei acontecer
Isso tudo me apavora

Você não tem culpa se eu estou sofrendo
Se fantasiei de verde esta história
Você tem namorado posso até estar errado
Mas tenho que ganhar você”

(Exaltasamba)

Acredito que quem escreveu esta música nem imaginava a quantidade de pessoas que passa por isso diariamente. A gente reza o tempo inteiro para se apaixonar, para gostar de alguém, e ser correspondido. Mas esquecemos de falar para o cupido sobre as restrições. E ele sai fazendo loucuras por aí. Ele faz com que você encontre a pessoa ideal. Aquela que você olha e já diz “sim” com cara de idiota. Mas dois segundo depois você descobre que a sua “alma gêmea” namora há 6 anos. Ou é casada e tem dois filhos. Esse tipo de coisa é o que te faz passar noites em claro pensando: “E se eu o tivesse conhecido há um ano?” E a resposta fica em aberto, porque você nunca saberá…

SE É AMOR?

Duvido muito. Talvez seja aquela tal de paixão, aquela coisa que faz você tremer de pensar que vai encontrar a pessoa depois de um desentendimento, que faz você se arrumar mais do que o normal para ir onde você sabe que ela vai estar e te faz sorrir no meio da rua lembrando do quanto ele(a) é bobo(a). Mas o mais incrível mesmo, é como você se sente um(a) adolescente de novo. Tudo por causa do friozinho na barriga. O mundo só cai mesmo quando você lembra que é platônico. Praticamente impossível. Ó mundo cruel.

Claro que passa. O tempo é ligeiro e logo trás outros dias para substituir os passados. Mas enquanto não muda, a gente fica pensando e pensando e pensando… Talvez se fosse diferente, não fosse tão bom. Às vezes eu penso que somos apaixonados mesmo é pelo perigo, pelo desafio. Pela sensação de estar “burlando as regras” só por diversão. Por minutos de diversão.

FUGINDO DO VAZIO

É uma pena que nem só de diversão viva o homem. Pena mesmo que a gente precise tanto de raízes, de algo em que se apegar.

Foi o tempo em que a diversão vinha em primeiro lugar. Agora a vida mostra que há muito mais em que pensar. Muito mais com o que se preocupar. Chega uma hora que as consequências dos nossos atos ficam cada vez mais pesadas, mais duras de encarar. E nessas horas, é melhor usar a cabeça. Nosso coração é mole, se deixa conquistar fácil. Um sorriso bonito, um abraço apertado. Não precisa de muito para satisfazer um mole coração. Mas acho que justamente para fazer um contra-ponto, existe nosso cérebro.

Eu acho que razão e emoção deveriam andar juntas. SEMPRE. Um “brigando” com o outro o tempo inteiro. Porque se a gente é só razão, nossa vida fica vazia. Mas se a gente é só emoção, fica vazia também. Por mais que os sentimentos transbordem, podem ser sentimentos ruins como tristeza e solidão. Quando razão e emoção dialogam, decidem, juntas, qual é o melhor momento e a melhor pessoa por quem se apaixonar. E se vale a pena investir. Com isso evitamos muitas decepções e fugimos de uma vida sem sentido.

PARECE PERFEITO, MAS NÃO É

Depois do leite derramado, que se faz? Aqueles olhos brilhantes, que de algum jeito te atraem muito. E ao mesmo tempo são um convite perigoso. Só de olhar você já quer saber mais, quer estar mais perto. Aqueles olhos parecem enxergar o fundo da sua alma, parecem fazer um raio-X completo dela. E você ali, parado, querendo fazer parte, ainda que de forma bem modesta, daquele mundo escondido por aquele olhar. É difícil conter um sentimento assim. É difícil não querer viver isso todos os dias. Parece que a vida perde todo o charme quando aqueles olhos não estão por perto. Observando, devorando.

Às vezes a vida é só querer. Mas depois de um tempo a gente descobre que quase tudo é providencial. Quando é pra ser, é. Quando não é pra ser é experiência.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s